-
19/12/2019 às 15h00min - Atualizada em 19/12/2019 às 15h00min

Grupo realiza Pedal Solidário em defesa dos animais

Ação acontece neste sábado (21), com concentração na praça Batista Campos, em Belém, às 17h

Andreza Gomes
Jornalista do belem.com.br
A iniciativa surgiu a partir de um grupo de protetores independentes de Belém, que resgatam cães e gatos abandonados nas ruas (Foto: acervo pessoal)
   
“Diga não ao abandono dos animais” é o tema do Pedal Solidário que será realizado neste sábado (21), com concentração na praça Batista Campos, em Belém, às 17h.
 
A iniciativa faz parte do projeto “Dezembro Verde”, que pretende conscientizar as pessoas para que não abandonem os animais durante as festas do fim de ano.
 
“Neste mês de festa é o período em que mais se registram casos de abandono de animais, devido às pessoas que querem viajar e acabam abandonando os animais e os abrigos ficam superlotados”, explica uma das coordenadoras do Pedal, Cristiane Nogueira.
 
Segundo ela, a iniciativa surgiu a partir de um grupo de protetores independentes de Belém, que resgatam cães e gatos abandonados nas ruas.

“No ano passado, tivemos uma boa quantia de arrecadação de ração para animais, que dividimos para três abrigos independentes. Foram cerca de 20 quilos de ração, com a participação de 80 ciclistas”, conta.
 
A empresa Ciclobike presenteou a equipe com brindes e manutenções de bicicletas.  “Com este incentivo de brindes e manutenção, teremos um Dezembro Verde bem participativo, para garantir a alimentação dos bichinhos. Isto é uma forma de nós contribuirmos com essas pessoas de bem que largam tudo para ajudar os nosso de quatro patas”, pontua.
 
Ciclistas
 
A servidora pública Juliana Dantas, 40 anos, é uma ciclista de estrada. “Eu pedalo há seis anos, sou bem atuante. Já pedalei para Colares, Vigia, São Caetano de Odivelas, Concórdia do Pará, Capitão Poço, Inhangapi”, conta.
 
O esporte tirou Juliana de um processo de depressão. “Em 2014 estava em um processo de depressão pela perda do meu pai. E o pedal me ajudou muito a superar isso. Hoje, faz parte da minha rotina para manter a saúde mental, apesar de ser arriscado, porém estamos mudando muito a questão dos riscos no trânsito, pois muitas pessoas estão sendo agregadas no esporte”, explica.
 
Sobre a sua participação no Pedal Solidário, Juliana Dantas é enfática. “Acredito que faço meu papel de cidadã, porque se trata de ajudar protetores independentes. Pois é a única forma de receber apoio é da sociedade. Essa causa se trata também da saúde pública da nossa cidade”, finaliza a esportista.
 
Inscrição
 
Para participar do Pedal Solidário basta fazer sua inscrição na loja Ciclor, que fica localizada na avenida Conselheiro Furtado, nº 593 (Entre Padre Eutíquio e Apinagés). A inscrição é um quilo de ração para cão ou gato. Quem quiser aumentar o número de doação de ração será muito bem vindo pela coordenação do evento.
 
Dezembro Verde
 
A Campanha “Dezembro Verde” nasceu no Ceará e se espalhou para várias cidades do Brasil. A intenção é conscientizar e alertar sobre o abandono de animais neste período que fica até meados de fevereiro, devido às férias escolares.
 
As ONGs também enfrentam dois problemas bastante sérios: a chegada de mais animais (em decorrência do abandono) e a queda na arrecadação financeira já que muitas pessoas cortam a ajuda para investir em passeios, presentes e contas extras dessa época do ano.
 
De acordo com uma pesquisa feita pela World Veterinary Association (Associação Veterinária Mundial) há cerca de 200 milhões de cães abandonados no mundo. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que no Brasil existem 30 milhões de animais em situação de rua (na maioria vítimas de abandono), sendo 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães. Ou seja: 10% dos cães sem lar no mundo vivem pelas ruas do Brasil.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

O Círio 2021 está na porta e o Belém quer saber: qual a melhor comida do Círio na sua opinião?

77.8%
22.2%