-
21/01/2020 às 13h00min - Atualizada em 21/01/2020 às 13h00min

Rogério Barros realiza projeto “Borameditar” em Belém

Até o final de janeiro, ele vai ministrar oficinas, workshop, palestra e bate papos abertos sobre técnicas de meditação e seus benefícios para a vida cotidiana

Assessoria de Comunicação do evento
Com edição do belem.com.br
Rogério Barros alia técnicas de interpretação com os ensinamentos do Yôga (Foto: Luciana Medeiros)
   
O ator, escritor, artista visual e yogi Rogério de Mendonça Barros está em Belém este mês para realizar diversas ações do Borameditar, projeto que nasceu em 2012, quando ele começou a ensinar meditação a crianças de comunidades carentes no Rio de Janeiro.  A experiência o inspirou a escrever o livro “O Menino que queria ser Bombeiro”, que também foi lançado em Belém.
 
Até o final de janeiro, ele vai ministrar oficinas para crianças e um workshop para atores, além de realizar palestra e bate papos abertos sobre técnicas de meditação e seus benefícios para a vida cotidiana.
 
No Espaço Vida Zen, desta terça-feira (21) até sexta-feira (24), ele ministra oficina de Meditação Infantil: os 4 elementos da natureza, com investimento de R$ 50,00 para cada módulo. Prática e lúdica, a oficina desenvolve atividades em um jardim, onde as crianças se conectam com a natureza e recebem ensinamentos para ativarem técnicas de respiração e meditação conforme cada elemento (ar, água, fogo e terra). As inscrições podem ser feitas pelo Whatsapp da produção: (48) 99907-5377.
 
Outra ação será a oficina infantil, “A Respiração e a Consciência Corporal para crianças e a manipulação de bonecos”, que terá duas turmas, a primeira no dia 25, e a segunda, no dia 26, sempre das 9h às 12h. A ideia é estimular nas crianças a consciência do corpo e da respiração, praticando ações físicas pela observação da manipulação dos bonecos. As inscrições também já estão abertas, tendo como público alvo crianças de 6 a 12 anos. Podem ser feitas pelo mesmo Whatsapp citado acima.
 
No dia 27 de janeiro, o ator assume dois compromissos. Pela manhã, às 10h, em uma ação voluntária, ele faz mini-palestra lúdica sobre o livro "O Menino que Queria Ser Bombeiro" e uma prática de respiração com o público interno do (CIIR) - Centro Integrado de Inclusão e Reabilitação, que fica na Rod. Arthur Bernardes. Já às 19h, ele conduz o bate papo "Respirar e Meditar: práticas simples e acessíveis a todos", no Ateliê Jupati, um espaço criativo situado na Cidade Velha.  A entrada é uma contribuição voluntária e espontânea. Na ocasião, o livro "O Menino que Queria Ser Bombeiro estará à venda no local (R$ 30,00).
 
Para fechar sua jornada na capital paraense, Rogério de Barros ministra, no Espaço Cultural Valmir Bispo, nos dias 28 e 27 de janeiro, das 19h às 22h, o workshop teatral "A Respiração e os Estados Emocionais", que inova ao criar um formato inédito, com técnicas de interpretação aliadas aos ensinamentos do Yôga.
 
Atores e estudantes de teatro, por meio da respiração e movimentos específicos, desenvolvem uma maior consciência do corpo e das emoções, para criarem personagens com partituras precisas. Já os alunos não-atores podem conhecer novas perspectivas de autoconhecimento corporal e respiratório e aplicar na vida. Inscrições também já podem ser feitas pelo telefone divulgado anteriormente.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.3%
2.9%
2.5%
2.3%
4.7%
14.0%
1.5%
3.0%
1.0%
57.9%