-
-
30/05/2020 às 12h00min - Atualizada em 30/05/2020 às 12h00min

Festivais oferecem oportunidades para bandas e artistas de Belém e do Pará

Governo do Pará e prefeitura de Belém garantem visibilidade para os artistas

Agência Pará e Agência Belém
Com edição do belem.com.br
As iniciativas visam garantir visibilidade para os trabalhos artísticos e renda a bandas e grupos musicais de Belém e do Pará (Foto: Pixabay)
     
Como parte das ações de ativação do cenário cultural, abalado pela pandemia da Covid-19, foi lançado o Festival "Minha Banda na Cultura", que garante visibilidade para os trabalhos artísticos e renda a bandas e grupos musicais do Estado. A iniciativa é da Academia Paraense de Música (APM), com apoio institucional do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), e patrocínio do Banco do Estado do Pará. A TV Cultura é correalizadora da ação, com parceria do Sindicato dos Músicos (Sindmuspa) que atuou na curadoria e organização cadastral dos selecionados.

O projeto, que acontece ao longo do mês de junho, prevê a exibição de clipes ou trechos de apresentações dos 118 grupos musicais nos intervalos da programação da TV Cultura. O programa terá abertura de 30 segundos, com depoimentos dos integrantes das bandas. 

O presidente da Fundação de Telecomunicações do Pará (Funtelpa), Binho Nascimento, destaca os impactos da ação na cena cultural do Estado. “A Funtelpa abre espaço na programação e entra nesse projeto de corpo e alma, porque, afinal de contas, é nosso papel manter a nossa cultura, dando visibilidade a esses trabalhadores nas nossas plataformas de comunicação. Assim, conseguimos também mostrar que eles não estão sozinhos, que conhecemos o seu valor e, consequentemente, o valor da cultura paraense”, explicou o presidente.

Embalando na Rede

Nesta sexta-feira (29), a Prefeitura de Belém, por meio da Fundação Cultural do Município (Fumbel), divulgou o resultado final dos artistas que integrarão o festival virtual “Embalando a Arte na Rede”. No total, foram recebidas 199 inscrições e mais de 200 artistas foram habilitados nas categorias individual, dupla e trio das áreas da música, teatro, literatura, dança, patrimônio cultural, artes plásticas e cultura popular.

O festival virtual, criado para minimizar os impactos econômicos do novo Coronavírus e dar continuidade às ações da classe artística de Belém e distritos, concluiu sua fase de seleção e avaliação atendendo aos critérios de qualidade artística/cultural, comunicabilidade e originalidade mencionados no referido edital.

Com a divulgação do resultado final, os artistas que tiveram suas apresentações selecionadas, já poderão disponibilizar seus materiais em suas plataformas digitais mencionando a Fumbel e a Prefeitura de Belém no festival virtual, conforme especificado em edital. 

Segundo o presidente da fundação, Fabio Atanasio, a continuidade da produção artística em Belém se faz de extrema necessidade nesse momento tão delicado de pandemia. “Nós parabenizamos os comtemplados, louvando a participação de todos os artistas que se inscreveram e incentivaram esta importante ação destinada àqueles que promovem, animam e dão vida à cultura do município de Belém”, disse. 


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor do isolamento social?

52.8%
46.6%
0.7%
-
-
-