-
30/12/2020 às 17h00min - Atualizada em 30/12/2020 às 17h00min

Revitalização da praça Batista Campos é finalizada

Pedras portuguesas, coretos e pontes de madeira foram alguns dos pontos revitalizados

Agência Belém
Com edição do Belém.com.br
A praça foi tombada como patrimônio histórico em 1983. (Foto: Alessandra Serrão)
        
As obras de revitalização iniciaram no mês de agosto com um custo de, aproximadamente, R$ 500 mil. Todos os coretos de metal foram recuperados, entre eles, o principal, que fica centralizado na praça e recebeu instalação elétrica e hidráulica, além de pintura.

O espaço, que em 1987 passou a chamar praça Batista Campos, foi tombada como patrimônio histórico em 1983 e recebeu uma atenção especial em todos os pontos revitalizados, como as pedras portuguesas, os coretos e as pontes de madeira.

Com cerca de 3 mil metros quadrados, a Praça Batista Campos foi projetada para ser um "jardim sem grades", com várias entradas. Seu espaço conta com coretos de ferro em detalhes greco-romanos, renascentistas e barrocos, além de calçadões revestidos de mosaico portugueses com motivos marajoaras, árvores nativas, monumentos, chafarizes e cursos d'água com pontes, o que a torna um dos cartões postais da capital paraense.
    

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.2%
2.9%
2.5%
2.3%
4.7%
14.1%
1.4%
3.0%
1.1%
57.9%