-
31/12/2020 às 14h00min - Atualizada em 31/12/2020 às 14h00min

Corpo de Bombeiros do Pará orienta sobre os riscos ao usar fogos de artifício

Corporação pede que a população tome os devidos cuidados

Agência Pará
Com edição do Belém.com.br
A utilização dos fogos de artifício deve ser feita somente por adultos e em ângulo de 90° em relação ao solo. (Foto: Elentir)
      
Nesta virada de ano, os tradicionais shows pirotécnicos da Estação das Docas e do Portal da Amazônia estão suspensos. Porém, o lançamento de fogos, para uso doméstico, em ambientes abertos continua liberado. O Corpo de Bombeiros Militar do Pará orienta a população a tomar os devidos cuidados para que o momento de celebração não se transforme em tragédia, com a ocorrência de acidentes como queimaduras e incêndios.

Primeiro, o cidadão deve atentar para a aquisição dos produtos somente em lojas especializadas e devidamente credenciadas pelos Bombeiros. “Os fogos de artifício em si são normatizados, eles têm um selo de qualidade do Inmetro. O armazenamento dos fogos, quando a aquisição é feita previamente, deve ser em local seco, longe de temperaturas altas, como fogão, de umidade e, principalmente, longe do alcance de crianças”, orienta o major Pablo Ricardo.

A utilização dos fogos de artifício deve ser feita somente por adultos e em ângulo de 90° em relação ao solo. “É importante que a pessoa não tenha consumido bebida alcoólica, que não esteja em estado de alteração da coordenação motora. O local de lançamento também é importante: não é recomendado em áreas cobertas ou fechadas, nunca deve ser lançado na direção das pessoas e deve ser solto longe de escolas, clínicas e hospitais e hospitais veterinários”, acrescenta o major.

Para ambientes internos, se for o caso, existem os fogos chamados ‘indoor’. A aquisição desses modelos deve ser bastante criteriosa, pois existem materiais de baixa qualidade. “Não fazer modificações para tentar aumentar a capacidade, como colocar mais pólvora, por exemplo. Sempre mantê-los na forma original de fábrica. E se for feito o lançamento de um fogo de artifício e ele, por acaso, não for acionado ou detonado, não fazer a reutilização, tentar reaproveitar. Quando falha, deve ser recolhido com todo cuidado e colocado em um recipiente com água para aguardar alguns minutos para ser descartado”, explicou o major Pablo Ricardo.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

9.3%
2.9%
3.1%
2.0%
5.2%
13.7%
1.5%
2.5%
1.1%
58.7%