-
14/02/2021 às 09h00min - Atualizada em 14/02/2021 às 09h00min

Exposição celebra história do Carnaval de Belém

Mostra reúne artigos e fantasias de cinco agremiações da capital paraense

Da redação do Belém.com.br
Com informações da Assessoria da Instituição
A exposição “Histórias de Carnaval com Escolas de Samba” vai até 28 de fevereiro. (Foto: Reprodução)
        
O Parque Shopping Belém organiza a exposição “Histórias de Carnaval com Escolas de Samba”, com o intuito de aproximar o público do histórico festivo da capital paraense e relembrar desfiles memoráveis. O espaço reúne artigos e fantasias de cinco agremiações da cidade: Deixa Falar, Império Pedreirense, Matinha, Piratas da Batucada e Quem São Eles. A mostra segue até 28 de fevereiro, na praça 2 do empreendimento, com visitação gratuita das 10h às 22h.

De acordo com Bruno Correia, curador da exposição, é importante que se tenha um resgate cultural do Carnaval de Belém, especialmente neste ano, já que as escolas não entrarão na avenida, além de que o evento também busca valorizar a comunidade que trabalha por trás da festa.

“Fantasias são arquétipos culturais e contam histórias, as escolas representam bairros da cidade de Belém que há décadas desfilam e disputam prêmios no Carnaval. Tudo isso envolve as comunidades desde o desenvolvimento do enredo, do samba, passando pelos carros alegóricos e as coreografias. Cada iniciativa como essa ressalta essa rica cultura e dá representação àqueles que trabalham nessa dinâmica dos desfiles”, pontua Bruno.

Ainda segundo o curador, as pessoas que amam brincar nesse período conseguirão amenizar a saudade da folia, pois a mostra é uma forma contemplativa e um gatilho para a memória de quem assiste e vive o Carnaval. “Essa festa é um dos símbolos da cultura nacional e da alegria típica do povo brasileiro. O público pode esperar pompa, beleza e informação”, frisa ele.

Para Bené Brito, mestre-sala da Piratas da Batucada, é importante levar, para as pessoas em geral, o conhecimento sobre o trabalho daqueles que compõem uma escola de samba como a porta-estandarte e as passistas, por exemplo. A escola é a atual campeã do Carnaval de Belém e contribuiu com cinco fantasias para a exposição.

“A nossa escola vive uma ascensão desde 2007, quando conseguiu chegar ao grupo de elite. Desde então, fizemos carnavais que ficaram na história da Aldeia Amazônica e os fãs poderão presenciar um pedaço dessa trajetória. Ao contrário do que muitos pensam, o Carnaval não morreu, ele está vivo, e iniciativas como essa contribuem para a sua valorização”, destaca Bené.

Serviço
Exposição “Histórias de Carnaval com Escolas de Samba”
Quando: Até 28 de fevereiro
Onde: Praça 2 do Parque Shopping Belém - Av. Augusto Montenegro, 4300 - Parque Verde
Hora: 10h às 22h
Visitação gratuita

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.2%
2.9%
2.5%
2.3%
4.7%
14.1%
1.4%
3.0%
1.1%
57.9%