-
13/10/2019 às 09h23min - Atualizada em 13/10/2019 às 09h23min

Círio de Nazaré: 227 edições como a maior festa de Fé do paraense

Procissão avança e deve chegar à Basílica Santuário por volta das 11h

Portal Belém
Assessoria de Imprensa da Diretoria da Festa de Nazaré
A saída da grande procissão foi às 7h, partindo da Catedral de Belém, com destino à Basílica Santuário (Foto: Gabriel Buenaño/Ascom da Guarda de Nazaré)

Uma das maiores manifestações religiosas do mundo, o Círio de Nossa Senhora de Nazaré, já avança pelas ruas de Belém. A saída da grande procissão foi às 7h, partindo da Catedral de Belém, com destino à Basílica Santuário. Antes, às 5h30, Dom Giovanni D’Aniello, Núncio Apostólico no Brasil, convidado pelo Arcebispo de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, celebrou a missa campal que dá início à romaria.
 
Num percurso de 3,6 km, a procissão passa pela Rua Boulevard Castilho França, Avenida Presidente Vargas, Avenida Nazaré, terminando na Praça Santuário. A previsão é de que o trajeto seja concluído em cinco horas.
 
Desde as primeiras procissões até hoje, alguns elementos foram incorporados à grande Romaria como: a Berlinda, carro especial para a condução da Imagem Peregrina, puxado pelos devotos; a Corda de 400 metros, divididas em 5 estações e dois núcleos; e os 13 Carros de Promessa conduzidos por estudantes que recolhem os votos de promessa, por exemplo. Com o passar do tempo, também, outras romarias e eventos foram integrados ao calendário oficial que conta, hoje, com 12 romarias. Em 2014, a organização do Círio recebeu, oficialmente, da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), o certificado de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade do Círio de Nazaré.
 
O cartaz Oficial, produzido há mais de 10 anos pela agência Mendes, teve este ano uma tiragem de mais de 900 mil exemplares. Com fotografia de Tarso Sarraf, a peça foi inspirada no tema do Círio deste ano. “Maria, Mãe da Igreja” e faz uma homenagem à Igreja Mãe e retrata os vitrais da Catedral Metropolitana de Belém em alusão ao aniversário de 300 anos da Diocese da capital. O manto deste ano começou a ser desenhado em fevereiro, após reuniões de explanação sobre o tema escolhido por Dom Alberto Taveira e a equipe que integra a confecção da peça: Lilian Acatauassú, Celeste Heitmann (designer), Kátia Novelino (estilista) e Marcelo Monteiro. Na grande procissão, a decoração da berlinda é de responsabilidade de Paulo Morelli.
 
A Diretoria da Festa de Nazaré trabalha o ano inteiro em parceria com os órgãos de saúde, segurança e trânsito para garantir melhor fluidez e segurança nas romarias. Este ano, as vias do corredor do Círio e suas transversais serão fechadas mais cedo, um dia antes, para garantir maior organização das procissões.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.1%
2.8%
2.7%
2.4%
4.6%
14.2%
1.5%
3.1%
1.0%
57.7%