-
04/01/2020 às 09h00min - Atualizada em 04/01/2020 às 09h00min

Pará vai receber 1.200 turistas estrangeiros neste sábado, 04

O grupo irá conhecer os principais pontos turísticos de Belém

Agência Pará
Com edição do belem.com.br
A maior feira livre de Belém, o Ver o Peso (Foto: Airton Nascimento)
 
 

   A temporada de cruzeiros marítimos está a todo vapor na Amazônia e o estado do Pará é um dos destinos turísticos que está na rota destas embarcações, em sua maioria, vindos da Europa e Estados Unidos.

Neste sábado (4), ancora no porto de Icoaraci, em Belém, o navio transatlântico Viking Sea, com mais de 228 metros de comprimento e seis metros de calado, trazendo a bordo 1.200 turistas estrangeiros, em sua maioria norte-americanos. Eles irão conhecer os principais pontos turísticos e atrativos da capital paraense.

Vários ônibus estarão à disposição para levar os diferentes grupos de turistas do cruzeiro para passeios na cidade de Belém, com uma vasta programação, que inclui Mercado do Ver-o-Peso, Feira do Açaí, Estação das Docas, passeio de barco até Boa Vista do Acará, tour panorâmico de quatro horas de duração, Theatro da Paz, Praça da República, Complexo Feliz Lusitânia,dentre outros.


Parcerias - O trabalho de receptivo desse turista é organizado pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur), que terá uma tenda de acolhida ao visitante na descida dos passageiros em Icoaraci, com direito a produção associada ao turismo do artesanato paraense, material promocional, de orientação e dicas da capital paraense, num trabalho conjunto com o Sebrae, em parceria com o trade, Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob), Fundação Cultural de Belém (Fumbel) e Polícia Militar.
 
Segundo o gerente de Projetos e Investimentos da Setur, Alexandre Nakagawa, Belém tem uma posição estratégica na rota dos cruzeiros marítimos que vem de Manaus e Santarém. “Alter do Chão e Santarém são hoje as joias desses cruzeiros pela Amazônia. A Setur trabalha agora para incluir mais paradas em Belém. Esse cruzeirista tem importância porque ele é capaz de multiplicar a informação sobre o destino para outros turistas do seu país e despertar o interesse para um aumento de fluxo no Estado”.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.3%
2.9%
2.5%
2.3%
4.7%
14.1%
1.4%
3.0%
1.1%
57.6%