-
17/02/2020 às 10h03min - Atualizada em 17/02/2020 às 10h03min

Seu corpo está preparado para pular o Carnaval?

Especialistas dão dicas de como prevenir dores nos pés, joelhos e articulações após os dias de folia

Assessoria de Comunicação do Hapvida
Com edição do belem.com.br
Antes de entrar na avenida ou bloquinho, o alongamento é também item obrigatório (Foto: Freepik)
   
Nos próximos dias, milhares de brasileiros devem passar dias pulando nas ruas durante o Carnaval. Na hora da folia o corpo não sente e é só no dia seguinte que as dores em articulações, coluna, pés e joelhos costumam visitar os brincantes. Para os especialistas de saúde estas dores são comuns e podem ser causadas por fatores como falta de alongamento, preparo físico e uso de calçados inadequados, neste período.
 
Fascite plantar (dor forte na sola do pé, principalmente no calcanhar), tendinite (Inflamação nos tendões, que acontece mais comumente nos tornozelos), dor na coluna ou joelhos são os problemas mais comuns que resultam do uso de calçados inadequados.
 
Segundo o ortopedista do Hapvida, Renato Pinto, os adeptos da sandália ou chinelo de dedo devem abrir uma exceção se forem entrar na avenida. "O uso de sandálias ou chinelos não é recomendado para longas horas de atividades intensas. Com eles os pés estão mais expostos a traumas e vulneráveis a cortes por cacos de vidro, por exemplo", adverte o ortopedista. Pela mesma razão, também é contraindicado ir descalço nos bloquinhos.
 
Calçados como o tênis são mais indicados para horas intensas de atividades como o Carnaval, segundo o médico. "Dê preferência aos tênis, além de protegerem mais os pés, garantem a diminuição do impacto de pisadas e pulos, prevenindo acidentes, lesões e fraturas tanto para os pés como joelhos, quadril e articulações".
 
Uma outra dica valiosa para proteger as articulações, pode e deve ir à tiracolo na avenida: a água. "A água é importante para manter as articulações lubrificadas, diminuir inchaços, melhorar a circulação sanguínea e a regular a temperatura do organismo. Até os ossos precisam de água, já que ela é responsável por cerca de 50% da composição óssea, o que é essencial para produzir células novas e saudáveis", destaca Renato.
 
Antes de entrar na avenida ou bloquinho, o alongamento é também item obrigatório, como explica o especialista do Hapvida. "O ideal é que esse preparo comece antes com atividades físicas aeróbicas de baixa intensidade. Depois partir para os exercícios de força e flexibilidade e etc".
 
Confira um check list básico para prevenir lesões nas articulações:
- Busque um profissional para indicar um preparo físico adequado;
- Prefira tênis confortáveis, evite ir de sandálias e chinelos;
- Beba bastante água para lubrificar as articulações;
- Faça alongamentos antes e depois da folia. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.0%
2.8%
2.7%
2.4%
4.6%
14.2%
1.5%
3.1%
1.0%
57.7%