-
-
22/03/2020 às 17h00min - Atualizada em 22/03/2020 às 17h00min

Começa campanha de vacinação contra gripe e sarampo nesta segunda (23)

Os times paraenses do Remo e Paysandu colocaram as instalações à disposição para a campanha de vacinação contra a gripe

Agência Belém
Com edição do belem.com.br
Nesta campanha, a meta do município é imunizar mais de 400 mil pessoas (Foto: Alessandra Serrão/ Agência Belém)
     
Nesta segunda-feira (23), a Secretaria Municipal de Saúde inicia a campanha de vacinação contra a gripe em Belém. Nesta primeira etapa, a vacina estará disponível apenas para idosos (pessoas com mais de 60 anos) e trabalhadores da área da saúde. A ação será administrada em todas as unidades municipais de saúde com sala de vacina, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Nesta campanha, a meta do município é imunizar mais de 400 mil pessoas.

Neste ano, a vacina imunizará contra os vírus Influenza A (H1N1)pdm09, influenza A (H3N2) e influenza B Victoria, que foram os tipos de vírus mais circulantes no ano passado em todo o mundo, e será um importante aliado no diagnóstico do novo Coronavírus (Covid-19), uma vez que as pessoas vacinadas ficam protegidas de outros vírus da gripe. “A campanha vai iniciar com os grupos mais vulneráveis, sobretudo, os idosos, e foi antecipada como estratégia do Ministério da Saúde para agilizar o diagnóstico do novo Coronavírus”, explica Nazaré Athayde, coordenadora do Programa Municipal de Imunizações da Sesma.

A campanha terá uma programação diferenciada, com a inclusão gradativa dos grupos prioritários, seguindo esta ordem: a partir de 23 de março para idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde; a partir de 16 de abril para doentes crônicos, professores e profissionais das forças de segurança e salvamento; a partir de 9 de maio para crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com 55 anos ou mais, grávidas, mães no pós-parto, população indígena e pessoas com deficiência. No dia 9 de maio será realizado o Dia D, com vacinação para todos os grupos prioritários.

Por causa do novo Coronavírus, a Sesma adotará esquema de vacinação diferenciado, priorizando os abrigos, vacinação em domicílio para idosos acamados e com dificuldade de locomoção, ampliação dos postos para estabelecimentos parceiros, salas específicas para idosos, aumento da distância entre pessoas nas filas e, vacinação fluvial para a população ribeirinha. “É importante que, dentro da vigência da campanha, as pessoas que compõem os grupos prioritários só se dirijam aos serviços de saúde se estiverem em boas condições de saúde, sem sintomas gripais”, alerta a coordenadora da Sesma.

Sarampo - Também nesta segunda-feira (23), a Sesma inicia mais uma etapa da Campanha de Vacinação contra o Sarampo, que, desta vez, estará voltada para pessoas de 20 a 49 anos, independentemente da situação vacinal. A meta nesta campanha é de imunizar quase 700 mil pessoas.

“Com esta campanha, o Ministério da Saúde visa a quebra da cadeia de transmissão do vírus do sarampo, cuja incidência de casos tem aumentado significativamente. Nós sempre lembramos à população que a vacina é gratuita e é a única forma de prevenção para esta doença, que pode deixar sequelas graves e, até levar a óbito”, frisa Nazaré Athayde. 

A vacinação estará disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, em todas as salas de vacina da capital.


Estádios de futebol oferecem espaço para a campanha de vacinação contra a gripe

Os times paraenses Remo e Paysandu colocaram as instalações à disposição para a campanha de vacinação contra a gripe que se inicia nesta segunda-feira (23), em todo o Brasil. A Prefeitura de Belém irá montar estruturas nos estádios Evandro Almeida, o Baenão, localizado na travessa Antônio Baena, e no estádio Leônidas Castro, a Curuzu, localizado na travessa Curuzu, para receber o público.

 
A ideia é de que os estádios possam receber os idosos, grupo prioritário na campanha, e assim evitar aglomerações nos postos de saúde do município.

A Aldeia Amazônica, no bairro da Pedreira, será outro ponto para a vacinação. No espaço o atendimento será diferente, ocorrendo no sistema drive-thru das 9h às 14h, com a possibilidade da pessoa nem descer do veículo para se vacinar.

“É muito importante saber que a vacinação começa na segunda, dia 23, mas se estende até o dia 15 de abril. Portanto, temos muitos dias para as pessoas serem vacinadas”, destacou o prefeito Zenaldo Coutinho.

“Agradecemos muito a parceria de todos que estão juntos trabalhando nessa parceria”, completou.

Neste ano, o Ministério da Saúde mudou a data de início da campanha de abril para março para proteger de forma antecipada os públicos prioritários contra os vírus mais comuns da gripe.

A vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para coronavírus, já que os sintomas são parecidos. E ainda ajudará a reduzir a procura por serviços de saúde.

Estudos e dados apontam que casos mais graves de infecção por coronavírus têm sido registrados em pessoas acima de 60 anos, grupo que corresponde a 20,8 milhões de pessoas no Brasil. Por isso a primeira etapa da campanha contempla esse público.

Saiba quais serão os postos de vacinação em Belém:

- Todas as Unidades Básicas de Saúde e Estratégia Saúde da Família estarão com postos de vacinação abertos, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira;
- Os clubes do Remo e Paysandu também abrirão seus estádios para reforçar ainda mais esta importante campanha. A partir de segunda-feira, das 9h às 14h;
- Na Aldeia Amazônica, a vacinação será no sistema drive-thru, das 9h às 14h.

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Belém tem mais de 200 praças. Você concorda que a praça ainda é o lazer mais barato para as famílias em Belém?

91.4%
8.6%
-
-
-