-
-
18/06/2020 às 12h00min - Atualizada em 18/06/2020 às 12h00min

Aplicativo visa aumentar vendas de pequenos empreendedores em Belém

O "Aua" foi desenvolvido por um grupo de estudantes da UFPA

Divulgação AUA
Com edição do belem.com.br
Com o investimento inicial, a expectativa da equipe é alcançar mais de 3 mil usuários no app ainda este ano (Foto: Elck Oliveira)
                
Desde o início da pandemia, mais de 5 milhões de empresas brasileiras mudaram seu funcionamento e tiveram que se adaptar a vendas por delivery e via internet (dados do Sebrae). Pensando nisso, um grupo de estudantes da Universidade Federal do Pará (UFPA) desenvolveu o Aua, um aplicativo voltado a estimular o comércio local e apoiar pequenos empreendedores afetados pela pandemia em Belém (PA). O app foi lançado no último dia 15.

O objetivo é possibilitar que mais pessoas tenham acesso a produtos e serviços oferecidos por pequenos empreendedores, além de usufruir de ofertas semanais por meio de cupons de desconto oferecidos no aplicativo. Um dos destaques do app é o espaço dedicado a história do empreendedor, uma estratégia pensada para trazer um toque humano às vendas online. O usuário pode navegar no mapa de lojas, ter acesso a produtos e ofertas e utilizar os cupons disponíveis na hora da compra.

“O Aua começou a ser idealizado em dezembro de 2019 para resolver o problema da falta de incentivo e visibilidade dos pequenos empreendedores da região Norte. Com a chegada da COVID-19, vimos que o Aua era mais necessário que nunca, considerando o risco econômico dos empreendedores. Não poderíamos ficar parados”, relata Lucas Cardoso, estudante de Engenharia da Computação e idealizador da iniciativa.
 
Reconhecimento nacional - O Aua já foi reconhecido pela Escola Nacional de Administração Pública (ENAP) como a terceira melhor iniciativa do Brasil no combate aos impactos sociais da COVID-19 na sociedade, entre mais de 590 projetos de todo o país. Com o investimento inicial, a expectativa da equipe é alcançar mais de 3 mil usuários no app ainda este ano.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor do isolamento social?

52.8%
46.6%
0.7%
-
-
-