-
07/08/2020 às 13h45min - Atualizada em 07/08/2020 às 13h45min

Preamar de Fé vai abordar o novo formato do Círio nesta sexta (07)

A transmissão será ao vivo do palco do Theatro da Paz

Agência Pará
Com edição do belem.com.br
Integrantes da Diretoria da Festa de Nazaré, Guarda de Nazaré e especialistas no tema são alguns dos entrevistados. (Foto: Airton Nascimento)
   
A 228ª edição do Círio de Nazaré será diferente em 2020, em função da pandemia do novo coronavírus. Porém, a festividade nazarena não passará em branco. Nesta sexta-feira (7), a partir das 19h30, a Secretaria de Estado de Cultura (Secult) e TV Cultura vão exibir um programa especial sobre o Círio: o Preamar de Fé. A transmissão será ao vivo do palco do Theatro da Paz e contará com a participação de artistas e entrevistados, que vão conversar sobre a programação deste ano e outras edições históricas.

Integrantes da Diretoria da Festa de Nazaré, Guarda de Nazaré e especialistas no tema são alguns dos entrevistados confirmados no Preamar da Fé. O governador do Pará, Helder Barbalho; a secretária de Estado de Cultura, Ursula Vidal; e o arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Correa, também participarão da programação.

A parte musical da apresentação será embalada por um repertório em homenagem à Virgem Maria. O tenor Atalla Ayan vai interpretar “Ave Maria”, do compositor austríaco Franz Schubert e a versão do francês Charles Gounoud. A cantora Alba Mariah interpreta “Círio outra vez”, de autoria do Padre Fábio de Melo, e “Minha Nossa Senhora”, de Francisco Petrônio.

Gigi Furtado emprestará a voz para “Ave Maria Brasileira”, também de Francisco Petrônio, e "Nossa Senhora", de Roberto Carlos. Lucinnha Bastos apresentará “Gratidão”, de Diego Xavier, e “Círios”, de Vital Lima e Marco Aurélio. Para encerrar, as três cantoras se unem para celebrar o momento com “Vóis Sois o Lírio Mimoso”.

Simbolismo

Para o diretor do Theatro da Paz, Daniel Araújo, o momento é muito significativo na história da relação do teatro com a devoção à Nossa Senhora. “Estamos no coração do Círio, a procissão passa ao nosso lado. Ano passado recebemos a imagem peregrina e agora queremos manter nossa relação e engajamento com esse momento que é tão especial, mesmo ocorrendo em outro formato, como este programa de televisão”, diz.

Para a secretária de Cultura, Ursula Vidal, a música e a informação levarão um pouco do Círio à casa dos paraenses. “Este ano, nosso Preamar da Fé estende as ondas de vibração na força da solidariedade e da responsabilidade coletiva, por conta da pandemia. Em 2020, já sabemos que não teremos o Círio de Nazaré como conhecemos”, reforça.

“Iniciamos nossa programação do Preamar em parceria com a TV Cultura do Pará com um concerto musical muito singelo e tocante, neste momento em que precisamos agradecer e unir os corações às famílias que estão sentindo falta dos seus entes que partiram. Precisamos renovar as esperanças para que este ano termine com o Estado do Pará dando exemplo de solidariedade e responsabilidade coletiva no combate à covid-19”, comenta a secretária.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.3%
2.9%
2.5%
2.3%
4.7%
14.1%
1.4%
3.0%
1.1%
57.7%