-
08/09/2020 às 12h00min - Atualizada em 08/09/2020 às 12h00min

Programa oferta 480 cirurgias bariátricas para pacientes do SUS

Lançado pela Sespa, a iniciativa traz como público-alvo pacientes obesos

Agência Pará
Com edição do Belém.com.br
Para ser atendido é preciso acessar o site da Sespa. (Igor Brandão/Agência Pará)
    
Os usuários do Sistema Único de Saúde que necessitam de cirurgia bariátrica para tratamento da obesidade agora podem recorrer ao programa Obesidade Zero. A iniciativa, lançada pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), traz como público-alvo pacientes obesos, com ou sem outros problemas de saúde. 


O primeiro passo para ser atendido é acessar o
site da Sespa. No local, o paciente fará uma autoavaliação, por meio do cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC), para identificar a necessidade ou não da cirurgia bariátrica. Caso haja, a pessoa agendará o atendimento e receberá a confirmação do Hospital informando o dia e horário da consulta.

Para realização do procedimento, é necessário uma avaliação médica. As cirurgias serão realizadas no Hospital Público Estadual Galileu e Hospital Jean Bitar.

O programa integra o Projeto Fila Zero, responsável por identificar os problemas da  população paraense em relação ao acesso a cirurgias e internações. “Estamos ofertando 480 cirurgias bariátricas por ano, ou seja, 40 cirurgias por mês. Ofereceremos todo o tratamento multidisciplinar, desde psicólogo, pneumologista, gastroenterologista. Também disponibilizaremos cirurgias plásticas reparadoras. Tudo será de forma gratuita e segura”, afirma o secretário adjunto de Sespa, Sirpriano Ferraz.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Você concorda com o adiamento das eleições municipais para novembro?

84.9%
15.1%