-
01/03/2021 às 10h30min - Atualizada em 01/03/2021 às 10h30min

Governo do Pará negocia compra da vacina russa Sputnik V

Imunizante é produzido no Brasil pela farmacêutica União Química

Redação do Belém.com.br
Com informações da Agência Pará
Informação foi divulgada pelo governador nas redes sociais. (Foto: Govesp)
     
Nesta terça-feira (2), o governador do Pará Helder Barbalho se reunirá com outros governadores em Brasília para visitar o laboratório União Química, responsável pela produção da vacina Sputnik-V. A unidade no Brasil é habilitada junto ao laboratório russo Gamaleya. Segundo Helder Barbalho, a intenção é adquirir o imunizante para ampliar a vacinação no estado.

Em um anúncio nas redes sociais, o governador paraense também afirmou que a gestão estadual destinou fundos específicos para aquisição de imunizantes. “Já possuímos recursos garantidos para aquisição de até 3 milhões de vacinas para ampliar fortemente a cobertura no entorno do nosso estado”, afirmou.

Nesta semana, o Pará deve receber mais uma remessa de vacinas do Ministério da Saúde. “Também quero anunciar que na quarta-feira deve chegar um importante lote de vacinas para que nós possamos ampliar cada vez mais a vacinação, e claro, os municípios possam cada vez mais rápido imunizar a nossa gente”, informou Barbalho.

Até agora, o Pará já recebeu do Ministério da Saúde cinco remessas de vacinas contra o novo coronavírus, totalizando 414.040 doses enviadas. Segundo previsão, o estado deve receber 1,5 milhão de doses de imunizantes contra a covid-19 até o dia 30 de março.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

O Círio 2021 está na porta e o Belém quer saber: qual a melhor comida do Círio na sua opinião?

78.6%
21.4%