-
15/05/2021 às 18h00min - Atualizada em 15/05/2021 às 18h00min

Paysandu e Tuna Luso decidem final do campeonato paraense

O primeiro jogo da final acontece amanhã as 10h no estádio do Souza

Suellen Nunes
Belém.com.br
Paysandu e Tuna na 5ª rodada do campeonato. (Foto: John Wesley/Paysandu)
          
Paysandu e Tuna Luso disputam novamente pelo título de campeão paraense. As equipes não se enfrentavam pelo torneio desde 2002, quando o time cruzmaltino perdeu o título para o papão. Além de resgatar uma das mais antigas rivalidades do futebol brasileiro, as duas equipes chegam em momentos distintos na decisão da competição.
 
Após as disputas emocionantes que foram definidas nos pênaltis, a Lusa da Vila Olímpica, que vem mantendo a base da equipe campeã da segundinha de 2020, passou pelo Clube do Remo. De desacreditada, a equipe chega com grande força para a final, tendo inclusive o melhor ataque, com 25 gols. Por outro lado, a equipe bicolor, que mesmo sem passar confiança ao torcedor devido ao fraco desempenho em suas partidas, chega para essa final sem perder há oito jogos, além de possuir uma das defesas menos vazadas no campeonato.
 
Sem a possibilidade de disputa no principal estádio do futebol paraense, o Mangueirão, que segue em reforma, Papão e Águia voltam a duelar a final em seus estádios: Curuzu e Souza. Na última vez que isso aconteceu foi em 1970, e o título estadual ficou com a Gloriosa da Vila Olímpica, Tuna Luso Brasileira.
 
A decisão do campeonato paraense será realizada em dois jogos. A primeira partida acontecerá neste domingo, 16, às 10:00, no estádio do Souza. E a partida decisiva do confronto será disputada no domingo seguinte, dia 23, às 17:00, no estádio da Curuzu.
 
Tuna Luso
 
A Tuna chegou a uma final após 14 anos de jejum, depois de derrota para o Remo em 2007, ao mesmo tempo em que não pode chamar um troféu de seu desde 1998. Para o primeiro jogo que será disputado no estádio Francisco Vasquez, debaixo do histórico trunfo cruzmaltino: o calor das manhãs de domingo. O técnico Robson Melo não poderá contar com o atacante Jayme, ainda no departamento médico. Em compensação, ele terá praticamente todo o elenco disponível para a decisão.
 
Robson Melo falou em entrevista coletiva falou sobre a concentração que o confronto exige e elogiou o grupo da gloriosa. “Construímos essa classificação contra o Remo, o time que teve a invencibilidade, que fez por merecer ser líder da classificação geral, chegamos fortes também. Estamos com o ataque em um momento positivo, tivemos jogos consistentes e acreditamos sempre que podíamos chegar à final”. Contou Robson. “Sabemos que contra o Paysandu é uma nova história, é um grande, tem suas qualidades, vai disputar uma Série C de Brasileiro e nós vamos precisar manter o nível de concentração e aumentar ainda mais a margem de acerto”, finalizou o treinador.
 
Paysandu
 
Já na Curuzu, o Paysandu do técnico Itamar Schulle não terá a presença do zagueiro/Volante Denilson, expulso contra o Castanhal. A partida também será mais um teste de fogo para o atacante Nicolas, que está sem marcar gols há oito jogos, já incomodado com este jejum, quer voltar a balançar as redes pelo Papão. A equipe quer o bicampeonato da competição para chegar na Série C mais prestigiado junto ao seu torcedor.
 
Escalação
 
Se não houver nenhuma surpresa, técnico Robson Melo deverá escalar a Tuna Luso Brasileira, com: Gabriel Bubniak; Leo Rosa, Dedé, Renan e Felipe ou Alexandre Pinho; Weeligton Pará, Neto, Artur e Lukinhas; Fabinho e Paulo Rangel.
 
Já o Paysandu de Itamar Schulle, poderá atuar com: Victor Souza; Israel, Perema,  Yan e Bruno Collaço; Paulinho, Jhonnatam, Ratinho ou Elyeser; Marlon, Nicolas e Robinho ou Ari Moura.
 
Clássico PA x TU
 
O 1° encontro entre os dois aconteceu em 11 de dezemnro 1932, em um amistoso que terminou 3 x 3. Já o último foi na Vitória bicolor por 2 x 0, com gols de Jhonnatan e Denilson, pela 5° rodada da fase classificatória do campeonato paraense, dia 24 de abril de 2021, no estádio da Curuzu.
 
De acordo com dados do pesquisador Jorginho Neves, Paysandu Sport Club e Tuna Luso Brasileira se enfrentaram em 498 confrontos. Com 212 vitórias do Papão com 717 gols, 157 vitórias da Águia, com 657 gols e um total de 129 empates. O Classico PA X TU  é um dos duelos mais antigos do futebol brasileiro e que terá mais um capítulo ao longo desta rica história que é o  futebol paraense.

Serviço
Primeira Partida da Final do Campeonato Paraense 2021.
Data: 16 de maio de 2021
Hora: 10h da manhã
Local: E
stádio do Souza - Evento fechado ao Público.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.0%
2.8%
2.7%
2.4%
4.6%
14.2%
1.5%
3.1%
1.0%
57.8%