-
26/09/2019 às 15h14min - Atualizada em 26/09/2019 às 15h20min

WhatsApp testa mudanças que podem trazer benefícios para empresas

O aplicativo está buscando uma solução para pagamentos através da troca de mensagens com a estratégia de simplificar o contato entre clientes e empresas no dia a dia.

DINO
http://citrus.cx
Possibilidade de pagamento na conversa do WhatsApp anima empresários.


Fazer pagamentos dentro da conversa será possível em breve no próprio WhatsApp, segundo informações da Business Today. O serviço, que está sendo chamado de Facebook Pay, iniciou os seus testes na Índia há alguns anos e, após estudarem novos métodos de monetizar o aplicativo, estão introduzindo novamente a ferramenta na versão beta 2.19.260, que já havia sido anunciado desde maio deste ano, mas ainda sem data de lançamento para o Brasil.

O aplicativo mais famoso do mundo também garante que a funcionalidade trará uma interface própria para adicionar meios de pagamentos a empresas e transferências para os seus contatos, de acordo com o artigo da WABetaInfo. Além disso, a notícia afirma que a carteira digital será nos parâmetros  de segurança do WhatsApp, que é encriptado de ponta a ponta.

Na realidade, a possibilidade de pagamentos dentro do aplicativo abre uma nova possibilidade para que empresas consolidem o seu processo de venda em um único ambiente, tendo acesso direto ao cliente e tornando a jornada de compra muito mais simples e segura. Uma oportunidade impulsionadora para inúmeros empresários que utilizam a plataforma pelo WhatsApp Business, especialmente no Brasil, um dos maiores mercados do aplicativo, com mais de 120 milhões de usuários ativos mensais, divulgado pelo Facebook, que comprou a empresa em 2014.

O serviço direcionado para  negócios através do aplicativo já é uma realidade em diversas empresas. Oferecendo uma gama de possibilidades comerciais, os usuários estão cada vez mais aproximando o contato com essas marcas na busca por um processo mais direto de conversa, em que é possível automatizar respostas, segmentar  por etiquetas, acompanhar status de compra, analisar métricas e relatórios, além de ser um canal seguro para a empresa e cliente se comunicarem.

Em se tratando de atendimento ao cliente, o WhatsApp permite um contato direto e o mais próximo possível do consumidor, e possibilita um canal aberto para o diálogo. Pensando em agregar essa solução e utilizar todo o seu potencial, o Citrus, empresa do grupo Digivox, integrou a ferramenta ao seu ecossistema de Experiência do Cliente para proporcionar um atendimento personalizado para o consumidor. Além de unificar todos os pontos de contato com os clientes em uma mesma interface, e mapear suas jornadas, a plataforma permite que a empresa consiga gerenciar todas as conversas que estão acontecendo com os usuários, utilizar recursos  de inteligência artificial, chatbots e outras funcionalidades que otimizam e facilitam o relacionamento com o cliente.

De acordo com Nivaldo Júnior, CTO do Citrus, “a integração do chatbot do Citrus para WhatsApp facilita o processo de atendimento e o deixa mais rápido e humanizado. Ele consegue resolver e responder problemas que os clientes possuem, tornando mais ágil esse processo”, resume. Tanto pelas possibilidades de assuntos a serem tratados, como pela necessidade de atendimentos específicos, a plataforma também garante que a humanização do processo é uma das prioridades na solução para o cliente: “Em um caso mais complexo, o agente pode entrar na conversa do chatbot com o cliente final e fazer a interação para que a dúvida seja resolvida. Esse processo de mudança do chatbot para o agente é um processo transparente, fazendo com que o cliente não perceba essa troca entre a máquina e o agente, tudo para tornar o atendimento mais humanizado”, conclui Nivaldo.

As funcionalidades do WhatsApp Business permitem ainda mais inovação, agilidade e retorno no negócio na integração com o Citrus – parte da Digivox, empresa com 13 anos de atuação no mercado nacional e na América Latina, com mais de 100 mil usuários de comunicação IP instalados e provedora de soluções para grandes clientes, públicos e privados.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.2%
2.9%
2.7%
2.4%
4.5%
14.1%
1.4%
3.1%
1.0%
57.7%