-
-
30/11/2019 às 13h36min - Atualizada em 30/11/2019 às 13h36min

Ponte que interliga o Rio Moju será inaugurada no dia 23 de dezembro

Nesta sexta-feira, o Governador do Pará, Helder Barbalho fez uma visita técnica na ponte e conferiu o cronograma da obra

Andreza Gomes (jornalista do www.belem.gov.br)
Foto: Rogério Uchôa - Agência Pará
   
O músico e funcionário público, Betinho Taynara, 43, viajou esta semana para o município de Moju pela estrada do Quilombo, que passa pela cidade de Acará. “A estrada do Quilombo não precisa passar pela ponte da alça viária, mas fica complicado passar com um carro baixo, foi uma aventura esta viagem”, conta.

O baixista Taynara conta que é músico há 31 anos e sempre passou por esta Região do Baixo Tocantins, quando ainda a travessia era de balsa. “Eu sempre fiz show em Marabá e Tucuruí, e hoje, aqui em Moju, vim como servidor público participar da Feira de Arte e Cultura e pensa em uma cidade que você encontrar tudo, comércio movimentado, eu viveria aqui muito bem”, comemora.

Betinho e outros moradores de Moju precisam diariamente do transporte feito pela Alça Viária que liga Belém a Moju. Em abril deste ano, um acidente com uma balsa que bateu em um dos pilares da Ponte do Mojú, impossibilitou o tráfego de veículos.

Entrega – Na última sexta-feira, 29, o Governador do Pará, Helder Barbalho acompanhado da sua equipe de secretários e engenheiros da Setran visitou a obra e agradeceu aos mais de 400 trabalhadores o empenho em acelerar o processo de entrega do serviço.  

Helder Barbalho fez questão de parabenizar todos os trabalhadores que estão executando a obra. “Quero dizer da minha felicidade em poder ver o andamento e, acima de tudo, projetar que no dia 23 de dezembro nós estaremos entregando esta ponte, restabelecendo esta ligação do Sul e Sudeste do Estado com a Região Metropolitana de Belém, com o Baixo Tocantins e o vale do Acará, retomando esta via fundamental de interligação do nosso Estado", comemora o governador.

O Secretário de Transportes, Pádua Andrade apresentou o cronograma da obra ao governador. Ele destacou as datas:  06 de dezembro, que finaliza o mastro, e 13, o bloco; dia 16, quando haverá a ligação das duas partes da ponte; os dias 19 e 20, destinados à pavimentação do tabuleiro, e liberação do tráfego no dia 23 de dezembro.

Segundo informações da Assessoria, a obra encontra-se na fase final, com a instalação dos 40 cabos-estais, aos pares, de forma simultânea. Os estais, que dão sustentação e estabilidade à pista da ponte, fazem parte das últimas etapas do trabalho de reconstrução da estrutura, demolida parcialmente após o choque da embarcação. "A reconstrução do vão central de 268 metros em pouco mais de seis meses será o quarto maior vão construído num tempo recorde na engenharia brasileira. Ressalta, também, que a busca desse prazo visa devolver o tráfego da Alça o mais breve possível", finaliza o secretário.
 
 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Belém tem mais de 200 praças. Você concorda que a praça, ainda é o lazer mais barato para as famílias em Belém?

100.0%
0%
-
-
-
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Dúvidas? Nos envie uma mensagem explicando a informação que você precisa!