-
-
05/06/2020 às 14h00min - Atualizada em 05/06/2020 às 14h00min

Campanha promove combate da violência contra o idoso

A ação também prevê a doação de alimentos para instituições que cuidam dos idosos

Agência Pará
Com edição do belem.com.br
Somente no ano passado, 403 ocorrências de violência foram apuradas pela delegacia (Foto: Pixabay)
            
Durante todo o mês de junho, a Delegacia de Proteção ao Idoso promove campanha de conscientização pelo combate à violência contra pessoas acima de 60 anos. No próximo dia 10, ocorre um dos primeiros desdobramentos da ação: a doação de alimentos arrecadados para o Asilo João de Deus, em Marituba, Região Metropolitana de Belém.

De acordo com a titular da unidade, Cynthia Viana, além da rotina de verificação de denúncias, os servidores também aproveitam o contato com o público, e principalmente com as famílias, para falar sobre a importância de sempre ajudar o idoso.

"Não temos como interromper as atividades porque as denúncias não param de chegar relatando idosos em situação de vulnerabilidade. Em boa parte das vezes, a violência ocorre dentro de casa, e geralmente ou são as situações de maus tratos, ou de apropriação indevida de pagamentos, rendas e aposentadorias", explica a delegada. 

A preocupação principal é orientar sobre os direitos e consequências decorrentes da violação das garantias dos idosos. Somente no ano passado, 403 ocorrências de violência foram apuradas pela delegacia. As pessoas idosas que sofrem mais abuso são mulheres na faixa etária de 71 a 90 anos. Os maus tratos atingem a marca de 38%, com violência psicológica, humilhações e xingamentos, abuso financeiro e violência física.

Amparo - "Ter idoso em casa é ter uma pedra preciosa, que deve ser bem cuidada, mas há quem pense que, por causa da idade avançada, aquelas pessoas não servem mais. Devemos amar, tratar bem, alimentar com dignidade, ter responsabilidade, oferecer assistência médica de qualidade. Em quatro anos, os idosos serão a maioria da população brasileira. Estamos falando de pessoas sábias, com conhecimento para passar, que não merecem nenhum tipo de exploração", estimula Cynthia.

O atendimento na Delegacia de Proteção ao Idoso está sendo feito via internet, no endereço eletrônico [email protected], ou ainda por meio dos telefones 181 ou 100, com funcionamento 24 horas.

O Ministério dos Direitos Humanos celebra em 15 de junho a conscientização da violência contra a pessoa idosa. A data foi declarada pela Organização das Nações Unidas (ONU) e a Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa. Desde 2006, o dia é reafirmado com promoção de campanhas por todo o mundo.

O objetivo é criar consciência mundial, social e política sobre a existência da violência contra a pessoa idosa. De acordo com o Conselho Nacional dos Direitos do Idoso, a celebração desta data deve se relacionar à apresentação, ao debate e ao fortalecimento das mais diversas formas de prevenção contra a violência.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor do isolamento social?

52.4%
46.9%
0.7%
-
-
-