-
12/09/2020 às 09h00min - Atualizada em 12/09/2020 às 09h00min

Um streaming para chamar de nosso: conheça a Amazôniaflix

O serviço está disponível na fase teste com menu gratuito por 90 dias

Holofote Virtual
Com edição do Belém.com.br
Na Amazôniaflix, o usuário encontra curadoria de obras audiovisuais amazônicas. (Foto: Reprodução)
    
Uma plataforma de filmes exclusivamente amazônicos. Esta é a proposta da Amazôniaflix, serviço de streaming que será lançado neste sábado (12), durante a 6ª edição do Festival Pan-amazônico de Cinema (Amazônia Doc 3 em 1). O produto já está disponível na fase teste, com cadastro e acesso ao menu gratuito por 90 dias. 

 
Idealizada e fundada por Zienhe Castro e Manoel Leite, a plataforma busca difundir e internacionalizar o acesso às produções de telefilmes, animações, séries de TV, curtas, médias e longas-metragens do gênero documentário e ficção da região Pan-amazônica e Amazônia Legal.
 
A proposta é ter um serviço de forma fácil e organizado, com acesso às produções cinematográficas da região. Além disso, impulsionar e fomentar o cenário pan-amazônico do audiovisual independente, em particular o audiovisual paraense.

Na Amazôniaflix, o usuário encontra curadoria de obras audiovisuais amazônicas. O público pode ter acesso ao serviço pelo navegador amazoniaflix.com.br (computador, celular e tablet) e aplicativo (iOS e Android). O conteúdo integral pode ser assistido em FullHD, em três idiomas, português, inglês e espanhol.
   
A plataforma será dividida em dois ambientes: Filmes em Lançamento e Catálogo, ambos com fichas técnicas, fotos, cartazes e outras informações. O acervo de curtas-metragens (de duração adequada para uso em sala de aula ou ensino remoto) permite que um tema seja abordado através de um documentário de 15 minutos, por exemplo.
 
Como recurso de interatividade, o público poderá votar nos filmes que quer assistir, compartilhar experiências, ganhar descontos, participar de lives e ser convidado para eventos exclusivos fora do ambiente digital.
 
A plataforma Amazôniaflix entra no ar em seu formato aberto, gratuito. Apenas em 2021, o serviço inicia a versão comercial, com novidades a cada mês por baixo valor. O acervo de pesquisa será por temas e gêneros, o que permite ser utilizado por alunos e escolas do mundo todo.
 
O serviço também contempla espaço para textos e vídeos de crítica, entrevista com realizadores, atores e equipes.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Você concorda com o adiamento das eleições municipais para novembro?

84.9%
15.1%