-
25/05/2021 às 13h00min - Atualizada em 25/05/2021 às 13h00min

Mulheres de baixa renda recebem vale alimentação em Belém

Quase mil vales serão distribuídos nesta terça (25)

Assessoria/CUFA
Com edição do Belem.com.br
Mulheres de baixa renda recebem vale alimentação em Belém (Foto: Eliseu Dias/Ascom Seduc)

          

Na terça-feira, dia 25 de maio, a Central Única das Favelas (CUFA/PA) vai realizar a distribuição de 900 cartões de vale alimentação para as famílias de baixa renda no Estado. O cartão disponibiliza o valor de R$100 para ajudar a custear o alimento básico.

 

A ação de entrega dos cartões inicia no distrito de Icoaraci, no Estádio Abelardo Conduru, que receberá cerca de 300 unidades, e seguirá em outros bairros da Região Metropolitana de Belém e municípios do Estado ao longo do ano.

 

Em cada ação de entrega, a entidade também oferece um mini curso sobre o combate à violência doméstica de mulheres e à violência sexual contra jovens e crianças, ministrado pela coordenadora geral da CUFA/A, Leila Palheta. Dessa forma, o projeto visa empoderar cada vez mais mulheres na luta contra todo o tipo de violência.

 

O valor dos vales alimentação pode ser sacado em qualquer lotérica permitindo que, além de auxiliar com a cesta básica, possa ser utilizado para outros fins, como cursos, manutenção da casa, entre outros.

 

Cesta Básica em Belém

 

Atualmente, o valor da cesta básica em Belém chega a cerca de R$ 507,31 segundo estudo divulgado em fevereiro deste ano pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), colocando a capital paraense entre as cidades com cesta básica mais cara do Brasil.

 

Em janeiro de 2021, período em que o Dieese realizou a pesquisa, a maioria dos produtos teve reajuste de preço, principalmente o feijão, com alta de 9,16%, seguido da manteiga (4,02%); açúcar (3,65%); leite (2,51%); arroz (1,83%); café (1,19%) e a carne bovina (1,17%).

 

O levantamento evidencia o elevado custo da alimentação básica e saudável, uma problemática que atinge grande parcela da população em vulnerabilidade financeira no Estado, que ainda sofrem com a falta de emprego, educação, saneamento básico, entre outras necessidades essenciais para a qualidade de vida.

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.1%
2.8%
2.7%
2.4%
4.6%
14.2%
1.5%
3.1%
1.0%
57.7%