-
14/08/2021 às 11h00min - Atualizada em 14/08/2021 às 11h00min

Exposição tem entrada franca no Arquivo Público do Estado

Adesão do Pará é tema da mostra que abre na próxima segunda (16)

Agência Pará
Com edição do Belem.com.br
A visitação gratuita limitará a entrada em até 6 pessoas por vez (Foto: Leonardo Torii/Arquivo Público)

                            

Um dos episódios mais marcantes da história do Estado – a adesão do Pará à independência brasileira de Portugal – é a temática da exposição “Percorrendo os rastros da história: os documentos históricos sobre a Adesão da Província do Grão-Pará à Independência do Brasil”, aberta de 16 a 31 de agosto de 2021, no Arquivo Público do Pará. A mostra, com entrada franca, poderá ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h. 

 

A exposição exibirá uma série de documentos históricos do acervo do Arquivo Público sobre o período, que evidenciam mais detalhes do acontecimento, incluindo a Ata de Adesão da Província do Grão-Pará à Independência, além de eventos que ocorreram na Província logo após a adesão.

 

Em respeito aos protocolos sanitários de prevenção da covid-19, o uso de máscaras será obrigatório no espaço, e a visitação limitará a entrada em até 6 pessoas por vez.

 

Adesão

 

Em 1823, o Pará era a única província que ainda não tinha aderido à Independência do Brasil, ocorrida em 7 de Setembro de 1822. Após as ameaças do Almirante John Grenfell, comandante de fragata contratado por D. Pedro I para trabalhar o movimento de incorporação do Pará ao Brasil, as autoridades locais decidiram aceitar e jurar fidelidade ao imperador do País. A consagração aconteceu no Palácio Lauro Sodré, sede do governo na época, quando o documento de Adesão do Pará foi assinado, rompendo de vez com Portugal, no dia 15 de agosto de 1823.

 

Serviço:

Exposição “Percorrendo os rastros da história: os documentos históricos sobre a Adesão da Província do Grão-Pará à Independência do Brasil”.

Período: 16 a 31/08/2021

Horário: de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h

Local: Arquivo Público do Pará, na travessa Campos Sales, 273, no bairro da Campina, em Belém.

Entrada franca


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual dos museus em Belém deveria ser visita obrigatória para qualquer pessoa que queira conhecer mais a cidade?

68.2%
4.5%
0%
9.1%
18.2%