28/06/2022 às 08h00min - Atualizada em 28/06/2022 às 08h00min

Terminal hidroviário de Alenquer é entregue nesta terça-feira (28)

No total, foram investidos mais de R$ 4,5 milhões

Redação Belem.com.br
Com informações da Agência Pará
O novo terminal contará com cadeiras, banheiros masculino, feminino e pessoas com deficiência, entre outros. (Foto: Divulgação / Ag. Pará)

 

                                                                                                     
O Governo do Pará, por meio da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), entregará totalmente reconstruído e adequado o Terminal Hidroviário de Passageiros e Cargas de Alenquer, no Baixo Amazonas, nesta terça-feira (28). No total, o Estado investiu mais de R$ 4,5 milhões no novo equipamento público. O presidente da CPH, Abraão Benassuly, e o governador do Estado, Helder Barbalho, participam da cerimônia de entrega do porto, que vai beneficiar mais de 80 mil habitantes. 


O novo terminal contará com cadeiras, banheiros masculino, feminino e pessoas com deficiência, carrinhos para bagagens, guichês para vendas de passagens, lanchonete, salas para órgãos do governo, guarda-volumes, TV e bebedouro. 

Já a obra naval contempla a instalação de rampa metálica biarticulada coberta e flutuante coberto, para embarque e desembarque de passageiros, equipamento que o antigo por não possuía. O terminal também conta com Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), além de sinalização, acessibilidade e paisagismo. 

Local

Localizado na orla da cidade, às margens do rio Surubiú, o novo porto será administrado pela Prefeitura de Alenquer e estava interditado há 12 anos por problemas estruturais identificados pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), órgão federal que regulamenta a construção e reforma desses espaços. Somente na atual gestão a obra foi reiniciada, e agora, concluída pelo Estado.

O Terminal Hidroviário de Alenquer será o décimo porto entregue pelo Estado na região do Baixo Amazonas. A data para início das operações do terminal ainda será definida pelo Governo do Estado em parceria com a Companhia de Portos e Hidrovias.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »