-
12/11/2019 às 14h57min - Atualizada em 12/11/2019 às 14h57min

Circuito Universitário apresenta filmes em Belém

O Cinema em Movimento tem sessões agendadas na UFPA, em parceria com o Cine Paredão

belem.com.br
Assessoria de Comunicação do evento
Cena do filme Repense o Elogio, que será exibido nesta quarta-feira (13), às 18h, no Estacionamento do Ateliê de Artes (Foto: Reprodução/ Youtube)

Justiça e oportunidades iguais para homens e mulheres são questões atuais que podem ser resumidas no termo Equidade de Gênero. Esse é o tema presente nos três filmes do Cinema em Movimento – Circuito Universitário, que será realizado em novembro e dezembro em universidades e salas de aulas do ensino médio de todo o país. Os responsáveis pela produção do Circuito em todas as capitais do Brasil e no Distrito Federal são 27 universitários selecionados e capacitados pela produtora carioca MPC Filmes.   
 
Em outubro, esses jovens estudantes, que têm entre 19 e 30 anos de idade, passaram por uma semana de imersão em um hotel na cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro, para participar da capacitação. Durante cinco dias, eles assistiram aos filmes da mostra, debateram com os diretores, tiveram aulas sobre cinema, história e memória, participaram de dinâmicas e workshops de produção e divulgação. O objetivo é que voltassem para as suas respectivas cidades aptos a agendar as sessões, convidar debatedores e mediadores, divulgar o Circuito junto à imprensa e mobilizar o público a comparecerem às sessões. 
 
No Pará, a agente mobilizadora da mostra é a estudante de Comunicação Social Susan Santiago. O projeto tem sessões marcadas em Universidades, que podem ser acompanhadas pelo instagram @circuitounivercinema. O Cinema em Movimento também está aberto para a realização de sessões, entre novembro e dezembro, junto à outras Universidades e instituições de ensino, além de iniciativas públicas e privadas que tenham interesse de promover sessões acompanhadas de debate.
 
Entre os três filmes selecionados para o Cinema em Movimento – Circuito Universitário estão: Lute como uma menina, de Beatriz Alonso e Flávio Colombini, Repense o Elogio, de Estela Renner, e O Silêncio dos Homens, de Ian Leite e Luiza de Castro. Os filmes escolhidos fortalecem as discussões  sobre o homem na sociedade, o feminismo na atualidade, o modelo educacional do nosso país e o poder popular. A curadoria ficou por conta de uma comissão formada por profissionais da MPC Filmes.
 
"Discutir equidade de gênero é fundamental na construção de um mundo menos violento. Escolhemos o tema e selecionamos os filmes buscando discutir, além da questão feminina também a masculinidade. Acredito que o filme O Silêncio dos Homens será uma ferramenta incrível para isso", diz a diretora geral do circuito, Luciana Boal Marinho.
 
O Cinema em Movimento tem sessões agendadas na UFPA, em parceria com o Cine Paredão (projeto que promove exibições a céu aberto dentro da Universidade). Nesta terça-feira (12), às 18h, será exibido o filme Lute como uma menina, com projeção na parede lateral do Espaço de Ensino Mirante do Rio. E na quarta-feira, dia 13 de novembro, também às 18h, haverá sessões do filme Repense o elogio, no Estacionamento do Ateliê de Artes.
 
Criado em 2000 pela MPC Filmes o Cinema em Movimento – Circuito Universitário tem como objetivo principal fomentar, no ambiente acadêmico, o diálogo e a reflexão sobre questões de interesse nacional e histórico abordadas nas obras a serem exibidas. Mais do que uma simples exibição de filmes, a Mostra é um espaço de ampla comunicabilidade, constituindo-se um eficaz instrumento de divulgação e multiplicação de mensagens.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.0%
2.8%
2.7%
2.4%
4.6%
14.2%
1.5%
3.1%
1.0%
57.7%