-
07/12/2020 às 12h00min - Atualizada em 07/12/2020 às 12h00min

Músicos juntam esforços para ajudar tratamento de Nilson Chaves

Amigos do músico arrecadam fundos para sua recuperação após o covid-19

Carolina Neves, equipe Belém.com.br
Zeca Baleiro e Fafá de Belém estão entre os convidados de live solidária que ocorrerá nesta próxima sexta-feira. (Foto: Reprodução)
    
Grupo de amigos do músico paraense Nilson Chaves começaram uma
Vakinha com o objetivo de angariar fundos para o seu tratamento e recuperação após o caso de covid-19. Chaves ficou 10 dias entubado e teve 70% do pulmão comprometido.

Segundo divulgado pela arrecadação idealizada por amigos do músicos de Chaves, os fundos serão utilizados para sua recuperação e sustento de sua equipe:

"O intuito é conseguir arrecadar uma boa quantia que o socorra durante o tempo de inatividade, que salde suas dívidas, que já se acumulam, e pague o tratamento de saúde que ainda precisa ser feito em casa. É importante dizer que parte dessa arrecadação irá para a sua equipe de trabalho, que também enfrenta problemas por depender dos shows do Nilson," detalha o texto de divulgação da Vakinha. A arrecadação tem a meta de 80 mil reais e as doações podem ser feitas
aqui.

Os organizadores também se comprometem, como retribuição pelas doações, organizar um show de Nilson Chaves após recuperação completa do cantor, a ser realizado de acordo com as medidas de enfrentamento da pandemia no Teatro Margarida Schivasappa, em Belém, com entrada gratuita e transmissão ao vivo pela internet nas redes sociais do músico.

A Live solidária organizada pelo cantor paraense Marco André vai ocorrer nesta sexta-feira (11), às 21h30, buscando arrecadar fundos para a vakinha, com convidados como Zeca Baleiro, Fafá de Belém, Chico César, Leila Pinheiro, Arraial do Pavulagem, Lucinha Bastos, Vital Lima, Paulinho Moska, Simone Almeida, Eudes Fraga, Celso Viáfora, Joãozinho Gomes, Márcio Montoril, Patrícia Bastos e Flávio Venturini. Cada um dos músicos cantará uma música de Nilson Chaves.
A live será transmitida no perfil do Instagram de Marco André.

Saúde

A estadia no hospital do cantor durou mais de 22 dias, dando entrada em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), do Hospital de Campanha do Hangar em 4 de novembro. No dia 10 do mesmo mês, Chaves precisou ser transferido para a Santa Casa de Misericórdia do Pará, em decorrência do agravamento da doença.

Na Santa Casa, o músico foi entubado, sedado e dependente de ventilação mecânica (aparelho para ajudar na respiração pulmonar). Ele estava com comprometimento de 70% no pulmão. Após apresentar melhora, o cantor foi transferido para a enfermaria do hospital, até receber alta em 2 de dezembro.

Carreira

Músico paraense eternizado pela música "
Sabor Açaí" é um dos nossos artistas mais conceituados internacionalmente, tendo dois CDs lançados na Europa, já se apresentou em diversos shows pela França e Alemanha e já recebeu indicação ao Grammy Latino em 2000 com CD comemorativo "25 anos, ao vivo".

Confira
aqui homenagem feita ao músico ao receber alta do hospital. 

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

Qual ‘brega marcante’ mais representa esse ritmo musical em Belém?

10.3%
2.9%
2.5%
2.3%
4.7%
14.1%
1.4%
3.0%
1.1%
57.6%