-
02/09/2021 às 14h00min - Atualizada em 02/09/2021 às 14h00min

Violações de direitos humanos podem ser denunciadas pelo whatsapp

A identidade do denunciante é mantida em sigilo

Agência Belém
Com edição do Belem.com.br
Serviço funciona de segunda a domingo, em horários específicos. (Foto: Divulgação)

 

Moradores de Belém já podem usar o serviço de mensagens privadas para denunciar anonimamente casos de violação de direitos humanos. A Secretaria Extraordinária de Cidadania e Direitos Humanos (SECDH) dispõe do serviço pelo número (91) 98436-0474, de segunda a sábado, das 8h às 18h, e no domingo, das 8h às 12h.

 

O canal de denúncia através de whatsapp foi lançado para que a população possa ter mais acesso e proximidade para denunciar, enviar vídeos, fotos, áudios ou outros mecanismos que sirvam como provas.

 

Quando é registrada a denúncia, a SECDH faz o acolhimento inicial e encaminha o caso para atendimento jurídico, psicossocial, ou mesmo os dois, dependendo da situação. Se for um caso que demande outros departamentos, o encaminhamento é feito para o sistema de justiça ou delegacia especializada.

 

Segundo o relatório apresentado pela SECDH, abuso policial, violência contra crianças e adolescentes e casos de LGBTQIA-fobia, foram os principais registros no primeiro semestre deste ano. 

 

Outros canais de denúncia

 

Existem também outros canais para delatar violações dos direitos humanos, como:

 

Redes sociais da SECDH: Instagram.com/secdhbel; Facebook.com/secdhbel;

 

Presencialmente na SECDH: 1° andar da Aldeia Cabana, no bairro da Pedreira, de segunda à sexta, das 8h às 17h;

 

Disque denúncia de violência e violação dos direitos humanos: ligar para 181;

 

Disque denúncia de violência doméstica e familiar contra mulher: ligar para 180;

 

Disque denúncia de violências contra criança e adolescente: ligar para 100;

 

Delegacia Especializada da Mulher (DEAM): Travessa Mauriti, 2393, bairro do Marco. Telefone (91) 3246-6803;

 

Conselho Tutelar da Sacramenta: (91) 98430-7423;

 

Conselho Tutelar de Mosqueiro: (91) 98430-8875;

 

Conselho Tutelar de Icoaraci: (91) 98430-3053;

 

Conselho Tutelar de Outeiro: (91) 98430-8513;

 

Conselho Tutelar do Guamá: (91) 98430-2113;

 

Conselho Tutelar Bengui: (91) 98430-9338;

 

Conselho Tutelar de Belém: (91) 98444-1220;

 

Conselho Tutelar Entroncamento: (91) 98430-3365.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
-

O Círio 2021 está na porta e o Belém quer saber: qual a melhor comida do Círio na sua opinião?

78.9%
21.1%