-
27/01/2022 às 16h29min - Atualizada em 27/01/2022 às 16h29min

'Ópera dos Terreiros' abre o XXI Festival no Theatro da Paz

O romance conta a história de um casal de diferentes origens étnicas africanas

Agência Pará
Com edição do Belem.com.br
Espetáculo é a primeira apresentação do Festival de Ópera em 2022. (Foto: Reprodução/Ag. Pará)
                        
A partir desta sexta (28), às 20h, começa oficialmente a programação do XXI Festival de Ópera do Theatro da Paz, com a montagem da "Ópera dos Terreiros", produzida pelo Núcleo de Ópera da Bahia e assinada por Aldo Brizzi.

O espetáculo conta a história do amor proibido entre os personagens Nzailu e Dara, uma espécie de “Romeu e Julieta”, com pessoas negras que foram escravizadas para construir o Brasil.

A relação amorosa é entre um personagem pertencente aos ‘bantos’, primeira população negra que chegou ao país e foi destinada ao trabalho pesado nas lavouras de cana-de-açúcar, café e mineração e os primeiros a resistirem nos quilombos; e outro personagem pertencente aos ‘nagôs’, sobretudo as mulheres, que vieram depois e foram trabalhar na casa grande, em serviços domésticos.

Com oito personagens principais, o Coro Carlos Gomes também faz parceria com a “Ópera dos Terreiros”. A mensagem do espetáculo aborda quando duas das várias correntes étnicas e culturais que chegaram ao Brasil entram em rivalidade, além de tematizar a busca da liberdade inerente ao ser humano. A música é um ponto alto da narrativa, com sons afrodescendentes, numa mistura de canto lírico e alabês.

A “Ópera dos Terreiros” realizará seu ensaio geral nesta quinta-feira (27), às 20h, no Theatro da Paz.

Serviço
'Ópera dos Terreiros' - XXI Festival de Ópera do Theatro da Paz
Data: 28/01
Hora: 20h
Local: Theatro da Paz

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »